Outras Informações
 

 

Diretiva dos Mercados de Instrumentos Financeiros (DMIF)

 

A DMIF é uma diretiva europeia que visa uma maior harmonização da legislação europeia e tem como objetivo principal a criação de um mercado único europeu de serviços financeiros, baseado numa maior transparência na negociação de um vasto leque de instrumentos financeiros e no aumento da proteção dada ao investidor, ajustando-a às suas características, experiência e conhecimentos financeiros.

 

Esta Diretiva foi já transposta para a legislação nacional e entrou em vigor a 1 de novembro de 2007, tendo impacto direto na forma como os bancos e outras sociedades financeiras comercializam os seus produtos e promovem a prestação dos seus serviços e no modo como as instruções de aquisição dos mesmos se repercutem nos mercados financeiros.

 

Os impactos mais significativos para os bancos e outras sociedades financeiras na forma como promovem os seus serviços e a relação comercial com os seus clientes ocorrem, quando aplicáveis, ao nível dos seguintes aspetos:

 
  •  Expandir 
  • Classificação de clientes
  • Questionário de perfil de investimento
  • Política de execução de ordens
  • Política de gestão de conflito de interesses
  • Revisão de condições contratuais