Eu não falo em ambição porque fica bem, porque me apetece ou para dar nas vistas. Eu tenho ambição porque temos razões para isso. Temos a equipa que muitos gostariam de ter, temos o talento que poucos têm, temos os melhores do mundo dentro e fora do campo, temos os que estão cá e os que estão lá, temos história, temos vontade de fazer história, temos competência, temos experiência, temos cabeça, temos pés, temos coração.

Fernando Santos

 

Clique aqui para ouvir o spot de rádio da Campanha de apoio à Seleção, na voz de Fernando Santos.

Patrocínio à Seleção Nacional

Para o Banco, o apoio à Seleção Nacional, representa um território de comunicação que simboliza a portugalidade moderna. É um ativo de comunicação transversal e consensual, o centro agregador da paixão dos portugueses pelo futebol. É representativa de uma forma de coesão nacional, um ponto de convergência da ambição e interesse dos portugueses.

Para além das várias campanhas de publicidade de apoio à Seleção que são desenvolvidas nos eventos de maior notoriedade e relevância (Mundial e EURO), a abordagem que o NOVO BANCO faz à ativação do patrocínio à Seleção é contínua ao longo das épocas e obedece a uma visão integrada que cobre os diferentes aspetos da comunicação: comunicação interna, social media e PR (presença da marca nas linhas de jogo, no centro do relvado, nas placas de microfone e nos backdrops das Conferências de Imprensa).


Campanhas de apoio à Seleção até ao apuramento para o EURO 2016